Entretanto, do outro lado do mundo.

Estava apenas pensando aqui: pensando no que quer que seja que estaria fazendo por aqui, nos entretantos, por exemplo, de um simples aprovar de comentário que consenta à visiblidade num blog. Como eu disse, era eu aqui. Somente pensando. Mas assim mesmo – e, aliás, por isso só – cogitando nessa coisa de simultaneidade… ainda que apartada por um oceâno inteiro d’água… me perguntando o que exactamente eu estaria fazendo por aqui, no mesmo momento que alguma outra coisa se ia fazendo por aí… pensado e, portanto, a perguntar-me o que exactamente estará sendo feito no mesmo tempo que eu, por cá, me vou também entretendo em feituras… Mas deixa para lá! Tá ficando tão confuso que, para fazer nexo, talvez só mesmo se Tom Zé viesse sentar comigo agora. Ou, então, se eu largasse de escrever e tratasse de cantar feito ele… “Eu tô te explicando / Prá te confundir / Eu tô te confundindo / Prá te esclarecer“… e por aí seguir:

 

Suavemente prá poder rasgar
Olho fechado prá te ver melhor
Com alegria prá poder chorar
Desesperado prá ter paciência
Carinhoso prá poder ferir
Lentamente prá não atrasar
Atrás da vida prá poder morrer
Eu tô me despedindo prá poder voltar

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: